segunda-feira, 26 de junho de 2017

Segurança em equipamentos de Trabalho, formação 13 e 14 de Julho!


PROGRAMA
ENQUADRAMENTO LEGISLATIVO
- Legislação de máquinas e equipamentos – o Decreto-lei 50/2005 e os demais diploma referenciais normativos
- Implicações legais
REQUISITOS MÍNIMOS DE SEGURANÇA
- O que analisar num equipamento em utilização
- Como implementar as alterações necessárias
VERIFICAÇÕES INICIAIS PERIODICAS E EXCEPCIONAIS
- Responsabilidade na realização das verificações
- Listas de verificação
- Resultado da verificação
Casos práticos aplicáveis a Máquinas, Ferramentas e Equipamentos

Mais informações e inscrições: aqui

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Fire safety regulation in practice: Challenges and achievements


Fire safety regulation in practice: Challenges and achievements
É o titulo da comunicação de colaboradores do CATIM que irá ser apresentada no 9ª conferência da WOS2017 que se irá realizar em Outubro próximo da República Checa.

Autoria:
M. Sousa, C. Fernandes, C. Ribeiro & R. Aguiã

Abstract:

Many Portuguese metal working industries existed long before the publication of the current fire safety regulation. The adaptation to new regulations is rarely easy for existing industries and its assets, particularly when it comes to fire safety. How can companies protect their old buildings? How should they manage their existing resources and safety equipment? How must they invest? How should they invest? And most importantly, is it enough to protect all the workers? It was used a case study approach to the practical application of the Portuguese Fire Safety Regulation to an industrial company from the metal working sector. The analysed facilities are 50 years old, implanted in a 33.000 m2 ground with 19.000m2 of sheltered area, encompassing 145 workers. The fire risk assessment, the investments made and the prevention and protection methods created and applied allowed the company to obtain a positive statement from the responsible authority and to enhance the levels of prevention and workers’ protection concerning fire safety. The positive statement from the responsible authority proved that it is possible to protect an existing building (50 years old) and its occupants from a fire scenario, even though it wasn’t designed to respond to the current legal requirements. Even in old-er buildings, it’s possible through good professional practice to improve fire prevention and enhance fire safe-ty levels for workers and facilities.

WOS 2017 – 9th international conference on the prevention of accidents at work -  Safety management complexity in changing society


http://www.wos2017.net/

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Política da Qualidade do CATIM


Melhoria contínua
Faz parte da Política da Qualidade a focalização na melhoria contínua dos processos e atividades com vista à satisfação dos clientes e outras partes interessadas e no equilíbrio económico-financeiro do CATIM.

Imparcialidade e independência
Faz parte da Política da Qualidade a necessidade do CATIM se manter imparcial e independente nas suas atividades de avaliação técnica.
Confidencialidade e segurança.
Faz parte da Política da Qualidade a completa observância do sigilo profissional no que diz respeito a toda a informação trocada com cada cliente e a segurança de toda a informação ou itens no CATIM depositados.
Cooperação.
Faz parte da Política da Qualidade a determinação do CATIM em cooperar de forma aberta e interessada com Clientes, Organismos de Acreditação, de Certificação e de Normalização, Entidades Regulamentares e Fiscalizadoras, outros Laboratórios e Organismos Notificados, de Inspeção ou Certificação de Produtos, Associações e Ordens Profissionais, Entidades do Sistema Científico e Tecnológico e de Formação, com vista à melhoria da satisfação das necessidades dos clientes, das partes interessadas e da sociedade em geral.
Normalização de referência
Faz parte da Política da Qualidade a adoção de normas nacionais e internacionais de gestão e técnicas como meio mais eficiente e eficaz de realizar atividades de forma competente, consistente e imparcial, e como meio de demonstração de requisitos e especificações, sem prejuízo dos requisitos dos clientes.

Ambiente e Segurança
Faz parte da Política da Qualidade, o controlo dos impactes ambientais inerentes às suas atividades e o cumprimento da legislação ambiental aplicável assim como da legislação de higiene e segurança no trabalho.

quarta-feira, 14 de junho de 2017

60 Anos da AIMMAP


Decorreu no passado dia 8 no Terminal de Cruzeiros do Porto de leixões, o jantar comemorativo dos 60 anos da AIMMAP, sob a presidência do Sr. Presidente Prof. Marcelo Rebelo de Sousa.
O Sr. Presidente da República usou da palavra no final, agraciando a AIMMAP como Membro Honorário da Ordem do Mérito Empresarial, Classe do Mérito Industrial, tendo entregue as insígnias ao Eng. Aníbal Campos, Presidente da Direcção da AIMMAP.


O Sr. Presidente da República fez questão de referir no seu discurso a visita que fez ao CATIM no passado dia 16 de Fevereiro.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Legislação Ambiental - 5 e 6 de Julho, formação CATIM!


PROGRAMA
REQUISITOS LEGAIS DE AMBIENTE
- Licenciamento da atividade industrial - Sistema da Indústria Responsável (SIR)
- Novo Licenciamento Único Ambiental (LUA)
- Regime das Emissões Industriais (REI)
- Instalações sujeitas a licenciamento Ambiental
- Regime jurídico de Avaliação de Impacte Ambiental (AIA)
- Prevenção de Acidentes Graves (Diretiva SEVESO III)
- Responsabilidade por danos ambientais
- Resíduos
- Águas e águas residuais
- Emissões para a atmosfera
- Energia
CASOS PRÁTICOS
- Apoio na elaboração do programa de medição e monitorização
- Apoio na elaboração do programa de comunicações externas obrigatórias

Mais informações e inscrições: aqui

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Norma ISO 14001:2015, 12 e 14 de Julho, formação CATIM!


OBJETIVOS
No final da ação os formandos deverão ser capazes de:
1.Interpretar os requisitos da Norma ISO 14001:2015 e conceitos subjacentes;
2. Identificar o impacto nos sistemas de gestão ambiental implementados;
3. Conhecer claramente os desvios e as ações necessárias para adaptação ao referencial ISO 14001:2015.
DESTINATÁRIOS
Quadros médios e superiores de empresas com responsabilidade na área de Gestão Ambiental.
PROGRAMA
Principais alterações na estrutura da Norma ISO 14001:2015
Requisitos da Norma ISO 14001:2015 e implicações na gestão da Organização
- Contexto e organização
- Liderança: Liderança e compromisso, Politica Ambiental e Funções, Responsabilidades e Autoridades Organizacionais
- Planeamento:
- Ações para tratar riscos e oportunidades: aspetos ambientais, ações de conformidade, planeamento de ações
- Objetivos ambientais e planeamento para os atingir
 - Obrigações de conformidade
 - Suporte:
 - Recursos
 - Competências
 - Consciencialização
 - Comunicação: Comunicação interna e Comunicação externa
 - Informação documentada: Criação e atualização, Controlo da informação documentada,
 - Operacionalização:
 - Planeamento e controlo operacional
 - Preparação e resposta a emergências
 - Avaliação do Desempenho:
 - Monitorização, medição, análise e avaliação: Avaliação da conformidade
 - Auditoria interna: Programa de auditorias internas
 - Revisão pela gestão
 - Melhoria
 - Não conformidade e ação corretiva
 - Melhoria contínua
 Abordagem ao conceito de Ciclo de Vida

Mais informações e inscrições: aqui

terça-feira, 6 de junho de 2017

Gestão dos EMM's, 19 e 20 de Junho!


O CATIM vai realizar nos dias 19 e 20 de junho de 2017, no horário das 9:00 às 17:00 nas instalações do Porto, a ação de formação de Gestão dos Equipamentos de Medição e Monitorização (EMM’S).
É objetivo desta formação proporcional aos participantes competências para melhor organizar o sistema de gestão dos EMM, para adquirir, rececionar e controlar os equipamentos de medição, de forma mais eficaz promovendo a adaptação constante às especificidades de produto/processo, através da adoção das melhores práticas, com vista à otimização de recursos disponíveis.

Mais informações e inscrições: aqui

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Simpósio de Metrologia'17


Com o apoio do CATIM e de outras entidades, realizou-se no passado dia 17 de Maio a 5ª Edição do Simpósio de Metrologia no ISEP.
Número elevado de participantes e patrocinadores, e um dia cheio de (boas) intervenções ditaram o sucesso desta iniciativa que se deseja que se mantenha por muitos e bons anos.
Tomamos a liberdade de salientar a comunicação "Metrologia e as aeronaves militares F16" de co-autoria do Tenente Coronel Pedro Pimentel da Força Aérea Portuguesa e do Dr. Fernando Ferreira do CATIM.
A comissão organizadora deste evento contou mais uma vez com participação da Eng: Isabel Perfeito do CATIM. A toda a comissão organizadora e a todos os que se tem empenhado na preparação e realização deste evento, os nossos agradecimentos!
Acesso a mais informação sobre este simpósio na página do ISEP: aqui

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Grau de Satisfação dos clientes CATIM

Uma das importantes medidas que o CATIM toma para sustentar o processo de melhoria contínua é o de solicitar aos clientes que avaliem a qualidade dos serviços respondendo a um questionário de avaliação.
Esta avaliação que é efectuada anualmente desde 2002, portanto há 16 anos..., contempla entre outros os seguintes indicadores:
- Tempo de resposta a solicitações
- Prazos de execução do serviço
- Atendimento
- Disponibilidade / Flexibilidade
- Preço
- Conhecimentos técnicos

Concluiu-se no passado mês de Abril mais uma avaliação que resulta num importante "input" para o processo de Revisão do Sistema de Gestão da Qualidade do CATIM.
É com satisfação que se constata mais uma vez uma avaliação muito positiva acima do nosso objectivo global (80 numa escala de 0 a 100 numa composição dos diversos indicadores), e a consistência da evolução dos resultados ao longo dos anos.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Reunião internacional do ISO/TC 291 WG 1 - Safety of domestic gas cooking appliances


Realizou-se nos passados dias 4, 5 e 6 de Abril em Durham nos Estados Unidos da América, mais uma reunião internacional de normalização.
Portugal esteve representado pela Engª Elisa Costa, Presidente da Comissão Técnica CT 36 (Aparelhos termodomésticos e termoindustriais que utilizam combustíveis sólidos, gasosos e líquidos e seus dispositivos e acessórios), CT coordenada pelo ONS CATIM.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

Simulacro de resgate no Teleférico de Gaia

Realizou na passada semana mais um simulacro de resgate de passageiros do Teleférico de Gaia com a participação da Protecção Civil e o Corpo de Bombeiros Sapadores de Gaia.
Os voluntários passageiros para o simulacro foram resgatados com sucesso demonstrando a elevada prontidão e preparação do corpo das equipas de resgate e adequabilidade de procedimentos.


Reportagem Porto Canal: aqui

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Teleférico de Gaia - análise intercalar de segurança


O teleférico de Gaia é uma instalação por cabo para o transporte de pessoas que entrou em serviço em 2011, de iniciativa e propriedade da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia,  construída pela ETERMAR S.A com equipamento electromecânico da Doppelmayer, e concessionada à TELEF - Transportes por Cabo e Concessões S.A.
A Unidade de Engenharia e Segurança de Equipamentos do CATIM  concluiu recentemente mais uma análise de segurança intercalar desta  já emblemática instalação na paisagem da Ribeira de Vila Nova de Gaia de onde se alcança uma das mais fantásticas vistas urbanas do mundo. Esta equipa do CATIM, composta por Francisco Alba (Director) e Alberto Fonseca (Responsável Técnico), Filipa LIma, Gustavo Cruz e Francisco Silva desenvolveu competências na análise da segurança deste tipo de instalações (teleféricos e funiculares) desde 2003, ano do seu primeiro trabalho com a análise do Funicular dos Guindais do Porto. Nestes 14 anos decorridos esta equipa orgulha-se de ter intervindo na grande maioria das instalações existentes em Portugal com este tipo de serviço de análise da segurança e conformidade legal. Aos clientes, construtores, proprietários e/ou concessionários deste tipo de instalações, um agradecimento especial pela confiança depositada ao longo deste já muitos anos.


Nota: e quando vier ao Porto e Gaia, não deixe de fazer uma viagem nesta instalação. Vai ver que a vista é mesmo única!

terça-feira, 9 de maio de 2017

Reuniões Normalização, ONS CATIM!


Maio:
CT 12 SC 2 – Aços de Construção dia 18 de Maio – Local : Videoconferência
CT 12 SC 5 – Análises Químicas dia 18 de Maio – Local : Videoconferência
CT 18 – Elementos de Tubagem, Tubos e Válvulas e Acessórios dia 26 de Maio – Local: Empresa FERPINTA, SA
CT 178 GT 1 – Edifícios com aparelhos a gás. Volume dos locais. Posicionamento dos aparelhos a gás dia 04 de Maio – Local: Videoconferência
CT 178 GT 2 - Edifícios com aparelhos a gás. Ventilação natural. Ventilação mecânica centralizada. Ventilação mista dia 04 de Maio – Local: Videoconferência
CT 178 GT 4 - Edifícios com aparelhos a gás. Instalação e ventilação de cozinhas profissionais dia 11 de Maio – Local: IPQ – Lisboa
CT 130 – Plataformas Elevatórias (data ainda a definir)  - Local: CATIM Porto
CT 40 – Máquinas e Ferramentas (data ainda a definir)  - Local: CATIM Porto

Junho:
CT 178 – Ventilação de edifícios com aparelhos a gás dia 22 de Junho – Local: IPQ - Lisboa
CT 178 GT 1 – Edifícios com aparelhos a gás. Volume dos locais. Posicionamento dos aparelhos a gás dia 01 de Junho – Local: Videoconferência
CT 178 GT 2 - Edifícios com aparelhos a gás. Ventilação natural. Ventilação mecânica centralizada. Ventilação mista dia 01 de Junho – Local: Videoconferência
CT 178 GT 4 - Edifícios com aparelhos a gás. Instalação e ventilação de cozinhas profissionais dia 12 de Junho – Local: IPQ – Lisboa
CT 130 – Plataformas Elevatórias dia  29 de Junho - Local: CATIM Porto
Internacionais:
CT 36 - CEN TC 109 WG 4 – “Hot water production of central heating boilers for domestic use” nos dias 29 e 30 de Junho - Local: CATIM Porto