quarta-feira, 1 de julho de 2015

Additive Manufacturing European Conference, 23 de Junho, Bruxelas


O CATIM e a AIMMAP, representados pelo eng. Alberto Fonseca, participaram no passado dia 23 de Junho na conferência "Additive Manufacturing European Conference", que se focalizou nesta importante tecnologia, considerada como a tecnologia disruptiva do Séc XXI.
No dia anterior o Working Group da CECIMO - Associação Europeia dos Fabricantes de Máquinas-ferramenta (AM)  que acompanha este tema e onde participa também a AIMMAP e o CATIM , reuniu-se em Bruxelas. Nesta reunião abordaram-se diversos assuntos sobre a evolução da tecnologia e partilhou-se diversa informação sobre a evolução normativa, por exemplo ao nível da ISO /TC 261 - additive manufacturing.
Da interessante conferência, pode-se concluir que a produção aditiva 3D ainda está numa fase importante de investigação e desenvolvimento, em especial ao nível do metal (Metal 3D printing), assistindo-se a nível mundial um grande investimento pelo que se espera um grande crescimento do mercado para os próximos anos.

Programa da Conferência

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Reunião do Grupo Horizontal da Directiva Máquinas



Realizou-se nos dias 23 e 24 de Junho, em Amsterdão, Holanda, a 43ª reunião do Grupo Horizontal. Este grupo reúne-se duas vezes por ano com o objetivo de supervisionar e coordenar o trabalho dos Grupos Verticais e tratar de assuntos comuns a todos os organismos notificados no âmbito da Diretiva “Máquinas”.
Na reunião estiveram presentes representantes de organismos notificados de diferentes países europeus tendo-se tratado diversos temas com interesse relevante para atividade destes organismos. O CATIM esteve representado pela Engª Filipa Lima da Unidade de Engenharia e Segurança de Equipamentos.
Destaca-se um dos temas abordados na reunião, por ter interesse geral não só para os organismos notificados como também para os fabricantes de máquinas, e que se prende com uma questão frequentemente colocada ao CATIM:

- “É obrigatório a aplicação de um comando de paragem de emergência em todas as máquinas fixas?”
De facto, a Diretiva “Máquinas” exclui desta obrigação as “máquinas cujo dispositivo de paragem de emergência não permita reduzir o risco“ e o Guia de aplicação da Diretiva “Máquinas” acrescenta que “esta exceção aplica-se se o dispositivo de paragem de emergência não reduzir o risco quando comparado com o comando normal de paragem“. Após longa discussão não se conseguiu obter uma resposta precisa e objetiva. Concluiu-se que caso existam normas para as máquinas em questão, é recomendado a aplicação de tais documentos, sendo que para as restantes situações, onde não existam normas, depende da apreciação do risco. A questão não foi encerrada e será estudada por alguns elementos do grupo que se propõem apresentar uma solução mais objetiva na próxima reunião, prevista para dezembro.

Como curiosidade, indica-se, por último, alguns dados do relatório apresentado pelo CEN: atualmente estão publicadas 745 normas harmonizadas neste âmbito, sendo que 93 são do tipo A e do Tipo B e 652 do tipo C; do total das 745 normas, 674 são normas publicadas pelo CEN e apenas 71 são normas publicadas pelo CENELEC.
 Nota: colaboração no post de Filipa Lima

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Divulgação de Tendências e tecnologias de Produção Inovadoras, 29 de Junho, AIMMAP


PROGRAMA
 
14:00 Receção de Participantes 14:30 Abertura da Sessão
14:40 Tendências, Soluções e Oportunidades

Sistemas de Visão Artificial para a Indústria
Teresa Martins – Enermeter

Gestão da Qualidade: ISO 9001 & ISO TS 16949 - Presente e Futuro
Alexandra Peixoto – CATIM
 
Novos Paradigmas da Robótica Industrial
Germano Veiga – INESC Porto
 

Tecnologias para Gestão e Controlo de Produção
Francisco Almada-Lobo – CRITICAL Manufacturing
 

Factories of the Future: Roadmap 2020
Pedro Rocha – PRODUTECH

17:00 Encerramento da Sessão


 
Mais informações e inscrições: marta.rocha@aimmap.PT

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Simpósio de Metrologia 2015



Realizou-se com assinalável êxito no passados dia 27 de Maio, a 3ª edição do Simpósio de Metrologia, SimpMet2015, organizado pelo ISEP, CATIM e IEP, evento que contou com um painel de oradores de elevada qualidade e conhecimento nas áreas apresentadas.
A promoção e divulgação da Metrologia tem sido a principal motivação dos promotores deste evento ao qual se juntaram diversos patrocinadores.
Os temas desta edição foram dedicados à Metrologia na Luz e na Energia, assinalando assim o Ano Internacional da Luz, e à Metrologia na Construção.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Vale Inovação - Portugal 2020 - Já abriu a II Fase!


São susceptíveis de apoio os projectos individuais que visem o apoio à aquisição de serviços de consultadoria de inovação, nos seguintes domínios:

a) Transferência de conhecimento - serviços de consultoria e assistência técnica, nos domínios da transferência de conhecimentos e certificação de sistemas de gestão da investigação, desenvolvimento e inovação;
b) Inovação organizacional e gestão - assistência tecnológica para a introdução de novos métodos ou novas filosofias de organização do trabalho, reforço das capacidades de gestão, redesenho e melhorias de layout, ações de benchmarking, diagnóstico e planeamento;
c) Economia digital e tecnologias de informação e comunicação (TIC) – serviços para implementação de modelos de negócios com vista à inserção da PME na economia digital que permitam a concretização de processos desmaterializados com clientes e fornecedores através da utilização das TIC (utilização de ferramentas sofisticadas de marketing pelas empresas – inbound e outbound);
d) Criação de marcas e design – aquisição de serviços para a conceção de marcas próprias ao nível do produto e da empresa;
e) Proteção de propriedade industrial - consultoria para aquisição, proteção e comercialização de direitos de propriedade intelectual e industrial e para acordos de licenciamento,
f) Qualidade e Eco-inovação
O limite máximo de despesa elegível é de 20.000 €, sendo o incentivo calculado a uma taxa de 75% (fundo perdido).
Fases para apresentação de candidaturas


O CATIM está acreditado para prestar serviços no âmbito destes domínios e pode ajudá-lo a fazer a sua candidatura!
Consulte-nos!
catim@catim.pt
telefone: 226159000

Portal 2020
Norte 2020 - concursos abertos
Centro 2020 - concursos abertos

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Seminário Ergonomia no ISGAYA


 
Realizou-se no passado dia 02 de Junho no ISGAYA - Instituto Superior Politécnico GAYA em Vila Nova de Gaia, o seminário "Ergonomia" que contou como oradoras, a Eng.ª Claudia Pires e Marta Sousa do CATIM.
Nesta sessão foram apresentadas algumas noções de Ergonomia, consequências do não cumprimento dos princípios ergonómicos, apresentação da legislação e normalização aplicável, e de exemplo do dia-a-dia.

quinta-feira, 11 de junho de 2015

INOVAÇÂO ABERTA - Cloud Pyme, convite à participação!


 
A inovação é um investimento imprescindível para as PME’s que procuram gerar novos produtos ou processos que as tornem mais competitivas.  Frequentemente, a inovação requer comunicação e colaboração com outras empresas e instituições que permitam criar melhores produtos ou processos ou explorar áreas diferentes dos produtos desenvolvidos, complementando as suas capacidades e tecnologias. Este processo de colaboração para a inovação é um processo de Inovação Aberta.
Ao contrário da inovação tradicional, o modelo de inovação aberta utiliza ideias externas e internas de forma intencionada. Baseia-se na colaboração entre parceiros e ajuda a superar as barreiras à inovação pela limitação de meios das PME’s.

CONVITE às PME!
Para facilitar a identificação de pontos comuns entre PME’s, os entidades associadas do projecto CloudPYME (AIMEN, AIMMAP, CATIM e CESGA) convidam as PME interessadas a efectuar registo no seu novo serviço de Inovação Aberta em https://oi.cloudpyme.cesga.es/
Este serviço, desenvolvido em função das necessidades identificadas graças à prestabilidade de múltiplas empresas, permite às PME’s da Eurorregião Galiza-Norte de Portugal encontrar tecnologias de que não dispõem, encontrar pontos comuns, oferecer produtos para exploração em novos contextos, etc. O seu funcionamento depende de uma atitude aberta à colaboração, tanto para encontrar soluções como para as propor em casos específicos, mantendo a convicção de que a empresa ou instituição que responde está devidamente identificada.
O processo de registo na plataforma de Inovação Aberta é simples!
https://oi.cloudpyme.cesga.es/
1. Primeiro passo: solicitação de conta e criar uma identidade (empresa, instituição, ...)
2. Segundo passo: verificação dos dados por parte de um membro do projecto CloudPYME.
3. Terceiro passo: activação do utilizador e confirmação

MAIS INFORMAÇÕES:
 
 

segunda-feira, 8 de junho de 2015

A Engenharia Mecânica e os Desafios da Medição - seminário

 
Organizado pelo Colégio de Engenharia Mecânica da Ordem dos Engenheiros, realizou-se no passado dia 03 de Junho o seminário "A Engenharia Mecânica e os Desafios da Medição".
A metrologia tem vindo a merecer crescente importância por parte das diversas organizações envolvidas, de regulação, de acreditação, de inspeção, de produção de produtos e serviços, de modo a melhor corresponder às especificações industriais ou de consumo, cada vez mais exigentes.
O CATIM participou neste seminário representado pelo Eng. Pedro Castro, Director do Laboratório de Ensaio de Materiais e Produtos, que fez uma comunicação com o tema "Ensaios e Medições - Uma Contribuição para a Sustentabilidade das Exportações do Setor Metalomecânico".
 
Programa
14h00 Receção dos Participantes
14h15 Sessão de Abertura
Eng. Carlos Matias Ramos, Bastonário
Eng. Rui de Brito, Presidente do Colégio de Engenharia Mecânica


1.º PAINEL
MODERADOR

Eng. António Coelho dos Santos, Membro Conselheiro e Especialista em Engenharia e Gestão Industrial
14h30
O Sistema Nacional de Metrologia e a sua Aplicação à Engenharia
Doutora Isabel Godinho, Diretora do Departamento de Metrologia, Instituto Português da Qualidade (IPQ)
14h50
O Engenheiro Mecânico Respira Metrologia
Eng. Carlos Sousa, Coordenador-adjunto da Especialização em Metrologia
15h10
Ensaios e Medições - Uma Contribuição para a Sustentabilidade das Exportações do Setor Metalomecânico
Eng. Pedro Castro, Diretor da Unidade de Materiais e Produtos, Centro de Apoio Tecnológico à Indústria Metalomecânica (CATIM)
15h30
Metrologia Aplicada aos Centros de Inspeção e Concessionários Automóvel
Eng. Pedro Gomes, Responsável do Departamento de Metrologia Física Tecnológica, Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ)
16h00
Pausa para Café
2.º PAINEL
MODERADOR

Prof. João Calado, Professor Coordenador com Agregação, Instituto Superior de Engenharia de Lisboa
IPL
16h30
Controlo Dimensional em Linha de Produção - Aplicação da Tomografia Computarizada no Controlo Dimensional
Eng. Nuno Costa, Diretor Comercial, Metrologia Sariki
16h50
Evolução das Técnicas de Controlo Dimensional - Novas Exigências, Desenvolvimento e Conceção de Meios de Controlo
Eng. João Silva, Diretor do Departamento de Metrologia Industrial, Emílio de Azevedo Campos
17h10
Medição de Vibrações em Equipamentos e/ou Estruturas Usando Sensores Low Cost
Prof. Chedas Sampaio, Coordenador do Curso de Mestrado em Engenharia Mecânica, Instituto Superior de Engenharia de Lisboa IPL
17h30
A Utilização das Tolerâncias Geométricas no Projeto e as Consequências na Medição
Prof. António Mourão, Professor Associado, Faculdade de Ciências e Tecnologia UNL
18h30
Encerramento
Eng. Carlos Loureiro, Vice-presidente Nacional
Eng. Rui de Brito, Presidente do Colégio de Engenharia Mecânica
 

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Dia Mundial do Ambiente, 05 de Junho

Foto do Vale do Zêzere, Serra da Estrela (autoria Francisco Alba)
 

CATIM, mais de 20 anos a defender o Ambiente e a apoiar as empresas, em especial do sector metalúrgico e metalomecânico.

Um longo, difícil e oneroso processo de adaptação à legislação ambiental efetuado pelas empresas, em especial nos anos 90, que implicou também o envolvimento do Estado e de entidades associativas como a AIMMAP. Para o apoio técnico às empresas, foi imprescindível a criação, nas infraestruturas tecnológicas como o CATIM, de núcleos de especialistas nas questões ambientais.
Mas foi um país inteiro que, de facto, se mobilizou, até por força da integração europeia e consequente legislação, investindo em infraestruturas e formando quadros técnicos no domínio do Ambiente, disseminando valores e práticas mais amigas do Ambiente, pelas empresas, pelas organizações, pelas pessoas.

Hoje, Dia Mundial do Ambiente, um sentido de dever cumprido é partilhado com todos, pois muito foi já feito e tal é reconhecido pela sociedade. Mas é um esforço sem fim... e não se pode esmorecer... É uma questão de valores e de sobrevivência: reduzir, eliminar todos os impactos negativos, gerir riscos emergentes, ser eficiente, melhorar e defender os recursos naturais, a biodiversidade, a qualidade de vida, a saúde e… alcançar a Sustentabilidade.

Só temos (para já...) esta nossa TERRA, é a nave que nos transporta pelo Universo, é o local onde nascemos, vivemos, morremos, e desejamos ser felizes.

Existe alternativa?
Foto de Castro Laboreiro, Serra da Peneda (autoria Francisco Alba)

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Economia e Gestão - Sessão Final de Apresentações

No passado dia 25 de Maio, o CATIM integrou o júri do projecto final de estágio - Demonstração de competências de alunos da faculdade de Economia e Gestão da Universidade Católica do Porto.


terça-feira, 2 de junho de 2015

Panelas de Pressão, legislação, normalização


 
As panelas de pressão, utensílios presentes em todos os lares para a confecção de alimentos com água e/ou vapor de pressão,  devem cumprir com as disposições da Directiva nº.97/23/CE relativa aos equipamentos sob pressão,  assim como com o Regulamento CE nº.1935/2004 relativo à compatibilidade alimentar, sendo todos estes requisitos necessários para garantir a proteção das pessoas.
O cumprimento da norma Europeia EN 12778, dá a presunção da conformidade com a Directiva dos equipamentos sob pressão (norma harmonizada). Esta norma estabelece os requisitos de construção, segurança e funcionamento das panelas de pressão e os ensaios correspondentes, e especifica dados relativos à marcação, etiquetagem e manual de instruções.
As panelas de pressão estão equipadas com os seguintes dispositivos:
  • Um dispositivo de regulação de pressão (dispositivo que estabiliza a pressão no interior da panela em funcionamento);
  • Um dispositivo de segurança (dispositivo destinado a prevenir um aumento da pressão superior à pressão de segurança);
  • Um indicador de pressão (dispositivo visual e/ou acústico que indica a existência de pressão no interior da panela);
  • Um sistema de segurança à abertura (sistema manual ou automático, destinado a impedir a abertura da panela de pressão, quando está sob pressão);
  •  Um dispositivo de descompressão (dispositivo destinado a reduzir, por própria ação, a pressão interna da panela evacuando uma parte importante do vapor acumulado no utensílio).
Em termos de segurança, a norma EN 12778 especifica os ensaios referentes ao bom funcionamento dos dispositivos, e inclui ainda os ensaios para os elementos de pega, ensaios de resistência à pressão e a verificação do conteúdo do manual de instruções da panela de pressão. Os elementos de pega devem permitir uma utilização fácil, devem estar solidamente fixos, serem duráveis e devem ser concebidos de modo a que a sua temperatura permita o manuseamento seguro da panela de pressão. Os ensaios de resistência à pressão destinam-se a verificar se no caso de todos os sistemas de segurança falharem, a panela de pressão apresenta riscos de rutura nem de fissuração que possam por em causa a segurança do utilizador.
O CATIM é uma das entidades europeias que é reconhecida como Organismo Notificado (Nº 0464), para a Directiva - Equipamentos sob Pressão – Classe de Risco III - 97/23/CE, realizando nos seus laboratório os ensaios acima referidos, os quais estão no âmbito de acreditação do laboratório pelo IPAC.
As panelas de pressão são equipamentos totalmente seguros quando todas as instruções descritas no manual de instruções são seguidas!
 
 

Colaboração no post: João Morais e Pedro Castro

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Reunião do Grupo Vertical VG1 - Máquinas para trabalhar madeira (Organismos Notificados)


Realizou-se nos dias 20 e 21 de maio, em Uppsala, Suécia, a 29ª reunião do Grupo Vertical 1, VG1 - Machinery for working wood and analogous materials.
Na reunião estiveram presentes representantes de Organismos Notificados de diferentes países europeus  designadamente Portugal, Alemanha, Republica Checa, Holanda, Suissa e Suécia, tendo-se dabatido diversos temas relacionados com máquinas para trabalhar madeira com interesse significativo para o desenvolvimento da atividade nesta área. O CATIM esteve representado pela Engª Filipa Lima da Unidade de Engenharia e Segurança de Equipamentos.

Entre os diferentes assuntos discutidos na reunião destaca-se a transposição das normas CEN para normas ISO neste âmbito, cujo cronograma provisório apresentamos em anexo. Salienta-se que as "novas“ normas ISO serão publicadas em conformidade com os requisitos previstos na Diretiva "Máquinas“, pelo que serão harmonizadas, não apresentando diferenças significativas relativamente às normas atualmente em vigor do CEN. Em média, 70% da norma da ISO é exactamente igual à norma equivalente do CEN, 20% igual mas explicitando melhor os requisitos e apenas 10% dos requisitos serão diferentes. Por este motivo a aplicação das "novas“ normas não implicarão alterações significativas para os fabricantes de máquinas.
 

 

Outra questão analisada na reunião foi a necessidade de manutenção, ou não, das 13 RFU (http://ec.europa.eu/enterprise/sectors/mechanical/documents/legislation/machinery/notified-bodies/index_en.htm) produzidas por este grupo e aprovadas  pelo Grupo Horizontal. De facto, a maioria das questões abordadas nas RFU já estão previstas nas normas ISO acima referidas pelo que deixarão de ser necessárias. Decidiu-se esperar até que as normas específicas, acima mencionadas, sejam publicadas para remover as RFU.
Por último e a próposito da neutralização dos dispositivos de segurança, foi sugerido a consulta do seguinte site: www.stpo-defeating.org, onde são descritos alguns acidentes resultantes da neutralização de dispositivos de segurança e apresentadas um conjunto de  boas práticas para a prevenção da neutralização.
A próxima reunião deste grupo realizar-se-á em Portugal, nas instalações do CATIM - Porto, nos dias 11 e 12 de Maio de 2016.

terça-feira, 26 de maio de 2015

Workshop - Ferramentas de Engenharia na Cloud para PME´s”, 27 de Maio, AIMMAP


Objectivo: Dar a conhecer às empresas e outros interessados, informação relacionada com a HPC – High Performance Computing de aplicação industrial baseado em soluções Cloud.

Dirigido a: Empresas do sector metalomecânico - I&D, Produção e Marketing, gabinetes técnicos, Centros de Formação, engenheiros, designers, professores e formadores, outros interessados nesta temática.

PROGRAMA

09:30 Registo de participantes

10:00 Abertura
David Rodrigues, AIMMAP

10:15 Como as empresas podem usar estas tecnologias
Luís Ferreira, IPCA

10:45 High Performance Computing (HPC) para PME´s
Andrés Gomez, CESGA

11:15 Soluções CAD/CAM/CAE na Cloud
Nuno Casaca, PH Informática SA

11:45 Caso Prático em empresa do setor

12:15 Fecho

As inscrições são gratuitas, mas limitadas e aceites por ordem de chegada. Para tal deverá ser preenchida a ficha de inscrição em anexo, podendo a mesma ser devolvida pelo email: marta.rocha@aimmap.pt. ou por fax nº 226 107 473.
 

Open Innovation nas PME's, 27 de Maio, 14:30, Porto

 
 
Objectivo: Dar a conhecer o conceito de Open Innovation e da nova plataforma de Inovação Aberta para as PME´s.

Dirigido a: Responsáveis de empresas, engenheiros, gabinetes de I&D empresários de empresas da euro -região.
Local: AIMMAP, Ruas dos Plátanos, 197 Porto
Programa:
14:30 Registo de participantes.
15:00 Abertura
Representantes  do  CATIM e da AIMMAP
15:15 Open Innovation
Dra. Cristina Sousa, ISCTE
16:00 Resultado de inquérito sobre OI às empresas do Norte de Portugal e Galiza.
Nuno Araújo, CATIM
16:20 Apresentação da Plataforma OI do CloudPyme
Mariano Sanchez, Cesga
17:00 Fecho
17:15 Coffee-Break.
CloudPYME é uma infraestructura de supercomputação dirigida a PME´s, que oferece serviços de computação para cálculo científico-técnico e ferramentas de inovação. A sua utilização por parte das PME´s contribui para melhorar a concepção dos seus produtos e processos, incrementando assim a sua competitividade.

Seminário do Projecto OHMI, 28 de maio, Estarreja

 

O CATIM foi convidado a participar neste seminário, sendo representado pela Eng. Eduarda Fernandes da Unidade de Ambiente e Segurança que apresentará uma comunicação com o tema "Implicações do REACH ao nível do utilizador a jusante e produtor de artigos".
Mais informações e inscrições: ambiente@cm-estarreja.pt

segunda-feira, 25 de maio de 2015

F1 In Schools - Final Regional CATIM e CTCP



Decorreu no passado dia 07 de Maio, no Pavilhão Gimnodesportivo de Maceda (Ovar), a Final Regional dos centros tecnológicos CATIM e CTCP do concurso F1 In Schools!
Os AXLR8, do Colégio Luso-Internacional do Porto, alcançaram o primeiro lugar e conseguiram ainda os prémios Engenharia, Inovação e Identidade.
A Final apurou outras cinco equipas para a competição nacional: os Invictus, da Escola Dr. Joaquim Gomes Ferreira Alves, os MechaBlown, da Escola Básica e Secundária de Pinheiro, os The Epic Team, da Escola Básica e Secundária de Baião, os Super Turbines, da mesma escola e os X-Team, da Escola Básica e Secundária de Pinheiro.
Os Invictus levaram ainda para casa o prémio Portefólio.
Os Super Turbines, que frequentam o quinto ano de escolaridade, foram distinguidos com o prémio Equipa Mais Jovem.
Apesar de não ter sido qualificada para a Final Nacional, a equipa Fast N’ Furious, da Escola Básica e Secundária de Pinheiro, recebeu o prémio Carro Mais Rápido.
As seis equipas apuradas preparam-se agora para competir na Final Nacional que decorrerá nos dias 29 e 30 de Junho, em Vila Nova de Famalicão.
 
 

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Portugal 2020 - VALE INOVAÇÂO para as PME's


São susceptíveis de apoio os projectos individuais que visem o apoio à aquisição de serviços de consultadoria de inovação, nos seguintes domínios:

a) Transferência de conhecimento - serviços de consultoria e assistência técnica, nos domínios da transferência de conhecimentos e certificação de sistemas de gestão da investigação, desenvolvimento e inovação;
b) Inovação organizacional e gestão - assistência tecnológica para a introdução de novos métodos ou novas filosofias de organização do trabalho, reforço das capacidades de gestão, redesenho e melhorias de layout, ações de benchmarking, diagnóstico e planeamento;
c) Economia digital e tecnologias de informação e comunicação (TIC) – serviços para implementação de modelos de negócios com vista à inserção da PME na economia digital que permitam a concretização de processos desmaterializados com clientes e fornecedores através da utilização das TIC (utilização de ferramentas sofisticadas de marketing pelas empresas – inbound e outbound);
d) Criação de marcas e design – aquisição de serviços para a conceção de marcas próprias ao nível do produto e da empresa;
e) Proteção de propriedade industrial - consultoria para aquisição, proteção e comercialização de direitos de propriedade intelectual e industrial e para acordos de licenciamento,
f) Qualidade e Eco-inovação
O limite máximo de despesa elegível é de 20.000 €, sendo o incentivo calculado a uma taxa de 75% (fundo perdido).
Fases para apresentação de candidaturas


O CATIM está acreditado para prestar serviços no âmbito destes domínios e pode ajudá-lo a fazer a sua candidatura!
Consulte-nos!
catim@catim.pt
telefone: 226159000

Portal 2020
Norte 2020 - concursos abertos
Centro 2020 - concursos abertos

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Portugal 2020 - VALES, o CATIM está acreditado!



As PME's podem candidatar-se ao financiamento de serviços que contratem ao CATIM, no âmbito dos seguintes instrumentos:

a) Vale Inovação – serviços de consultoria abrangendo as seguintes áreas: gestão; assistência tecnológica; economia digital; propriedade intelectual e industrial; utilização de normas e serviços de ensaios e certificação.
b) Vale Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT) – serviços de consultoria em atividades de investigação e desenvolvimento tecnológico, bem como serviços de transferência de tecnologia;
d) Vale Empreendedorismo

Norte 2020 - concursos abertos
Centro 2020 - concursos abertos

Contacte-nos!
catim@catim.pt